Paulo Câmara cumpre agenda em Vitória de Santo Antão neste sábado

Candidato da Frente Popular participa do lançamento da campanha de Joaquim Lira (PSD) à Assembleia Legislativa.

Depois de paralisar as atividades de campanha por 24 horas, em respeito ao falecimento do escritor, dramaturgo e presidente de Honra do PSB, Ariano Suassuna, o candidato da Frente Popular ao Governo, Paulo Câmara (PSB), retoma a agenda a partir desta sexta-feira (25). Pela manhã, às 11h, o socialista concede uma entrevista à Rádio Liberdade, em Caruaru. De lá, segue para Garanhuns, onde, à tarde, se encontra com prefeitos do Agreste. À noite, às 21h, o postulante vai conferir a movimentação do Festival de Inverno.

No sábado (26), Paulo inicia o dia em Petrolina, com uma caminhada, às 8h, e depois segue para a inauguração do comitê regional de Petrolina, às 11h. À tarde, o candidato vai à Exposição Especializada em Caprinos e Ovinos de Sertânia (Expocose), às 14h. 

Depois do município sertanejo, o candidato tem como destino Vitória de Santo Antão, às 18h, onde participa do lançamento da candidatura de Joaquim Lira (PSD), filho do prefeito do município, Elias Lira (PSD), ao cargo de deputado estadual. O evento acontece na casa de eventos Space Clube, na Avenida Henrique de Holanda, antiga BR 232, em frente a secretaria de saúde da cidade.

O Agreste é novamente o destino, com eventos em Santa Cruz do Capibaribe, às 20h30. No domingo, às 8h, o socialista visita a Missa do Vaqueiro, em Serrita, e participa da comemoração do Dia do Panificador, com representantes da categoria, no Recife, às 13h30.

Cineclube Avalovara retoma atividades com exibição de "Um lugar ao Sol" neste domingo

Após a pausa da Copa do Mundo, o cineclube Avalovara retoma suas atividades e trazendo o documentário "Um lugar ao Sol" de Gabriel Mascaro - diretor de filmes como "Doméstica" e "KFZ-1348". A exibição acontece no Silogeu Professor José Aragão, na Praça Diogo de Braga, no bairro da Matriz.

O documentário aborda o universo dos moradores de coberturas de prédio das cidades de Recife, Rio de Janeiro e São Paulo. O diretor obteve acesso aos moradores das coberturas através de um curioso livro que mapeia a elite e pessoas influentes da sociedade brasileira. No livro são catalogados 125 donos de cobertura. Destes 125, apenas 09 cederam entrevistas. Através dos depoimentos dos moradores de cobertura, o filme traz um rico debate sobre desejo, visibilidade, insegurança, status e poder, e constrói um discurso sensorial sobre o paradigma arquitetônico e social brasileiro.

SERVIÇO:
Cineclube Avalovara apresenta UM LUGAR AO SOL
Quando? 27-07, domingo, às 17h
Onde? Silogeu
ENTRADA GRATUITA

Corpo de Ariano Suassuna é sepultado

Desde a notícia da morte, foram quase 24 horas de homenagens ao dramaturgo.

Foi sepultado, no fim da tarde desta quinta-feira (24), no cemitério Morada da Paz, em Paulista, na Região Metropolitana do Recife, o corpo do escritor, poeta e dramaturgo Ariano Suassuna, que morreu aos 87 anos. A cerimônia aconteceu em meio a muita emoção de parentes, amigos e fãs de todas as partes, que fizeram questão de dar o último adeus ao mestre com faixas, cartazes, cantorias e poemas. 

O corpo de Ariano chegou ao cemitério por volta das 16h55, depois de ser transportado num caminhão do Corpo de Bombeiros em cortejo fúnebre. Logo na chegada, uma salva de tiros saudou o Ariano Armorial. O caixão foi colocado numa área reservada para familiares e pessoas próximas. "Madeira que cupim não rói" foi tocada em violino, assim como canções católicas. Um dos netos do dramaturgo recitou os poemas “Acauhan” e “A mulher e o reino”, feitos pelo escritor. A viúva de Ariano, Zélia - companheira de mais de 50 anos - chorou muito durante o sepultamento.

Amigos próximos, como o governador João Lyra Neto e o ex-governador Eduardo Campos, marcaram presença, assim como uma legião de fãs, inclusive da cidade de Taperoá (PB), onde o dramaturgo viveu parte da infância.

O cortejo e as últimas homenagens

Durante todo o dia, familiares e visitantes fizeram homenagens ao paraibano com alma de pernambucano. Grupos de rabeca e de maracatu, como o Nação Estelar  e o Piaba de Ouro, realizaram apresentações no velório do dramaturgo, realizado no Palácio do Campo das Princesas, no Recife. Poemas foram lidos a todo instante diante do caixão. Símbolos como o estandarte do Galo da Madrugada (que homenageou o dramaturgo no Carnaval deste ano), um boneco gigante e as bandeiras do Brasil, de Pernambuco, do Sport e da Universidade Federal de Pernambuco (de onde o escritor era professor emérito) tiveram destaque.

Políticos, como a presidente Dilma Roussef, também prestaram uma última homenagem a Ariano. O governador João Lyra Neto, juntamente com o ex-governador e amigo pessoal do escritor, Eduardo Campos, permaneceram por bastante tempo na cerimônia. Personalidades como Santanna, Claudionor Germano e o cineasta Guel Arraes se somaram aos visitantes do local. "Ele estudou e pensou o Brasil a partir da literatura e nunca teve muita gente como ele Brasil nem nunca terá. Entre todas as peças, livros, etc., a obra máxima é a vida dele", comentou Arraes.

Após o velório, que aconteceu no Palácio do Campo das Princesas, o caixão foi colocado com a ajuda de netos do escritor num caminhão do Corpo de Bombeiros. Com aplausos, parentes, amigos e fãs entoaram "Madeira que cupim não rói", de Capiba, e o grito de guerra do Sport Club do Recife, time do coração de Ariano. O trajeto até o cemitério Morada da Paz, incluiu a rua da Aurora, a avenida Agamenon Magalhães, o Complexo de Salgadinho e a PE-15.

Informações da Folha PE

Vitória no Diário Oficial - 24 de julho

Publicação realizada pela Prefeitura da Vitória de Santo Antão, no Diário Oficial do Estado, dia 24 de Julho de 2014, página 19.

Detran-PE abre 2ª rodada de convocações do CNH Popular 2014

Está aberta a segunda rodada de convocação dos contemplados pela edição 2014 do Programa Carteira de Habilitação Popular (CNH Popular). Mais de 12 mil pessoas estão sendo chamadas para confirmação de dados e encaminhamento para um dos Centros de Formação de Condutores credenciados junto ao Detran-PE com direito a realizar, gratuitamente, todas as etapas do processo de Habilitação de Condutores.

Os selecionados devem acessar o site do Detran-PE, verificar se fazem parte desta 2ª lista de convocações e agendar online data, hora e ponto de atendimento ao qual devem comparecer para efetuar a confirmação dos dados cadastrais (validação) informados no ato de inscrição no Programa.  Só poderão realizar a confirmação de dados os convocados que, previamente, agendarem online atendimento para o CNH Popular.

Retardatários - Os convocados da 1ª rodada que ainda não compareceram ao Detran terão de aguardar o período que vai de 30 de agosto a 13 de setembro para fazer a confirmação de dados e dar entrada no benefício.

Beneficiados - As vagas do Programa são divididas equitativamente entre Região Metropolitana e Interior do estado. No momento da validação, os contemplados pelo CNH Popular devem ter em mãos toda a documentação exigida, que varia de acordo com o segmento contemplado pelo Programa. A lista dos documentos necessários pode ser conferida no link CNH Popular, disponível no site do Detran-PE (www.detran.pe.gov.br).

Criado, em 2008, o CNH Popular já beneficiou mais de 70 mil pernambucanos, contribuindo para que pessoas de baixa renda tenham maior oportunidade no mercado de trabalho. O Programa favorece segmentos como o dos desempregados, beneficiários de programas assistenciais como Bolsa Família e Chapéu de Palha, alunos da rede pública de ensino, além de egressos do sistema penitenciário e socioeducandos da Fundação de Atendimento Sócioeducativo de Pernambuco (Funase). O valor de uma CNH gira entre R$ 800,00 e R$ 1.300,00. O processo é inteiramente custeado pelo Governo do Estado. Em 2013, os investimentos do CNH Popular giraram em torno dos R$ 15 Milhões. De 2008 a 2013, foram investidos mais de cem milhões de reais no Programa.

Informações da assessoria

Corpo do escritor Ariano Suassuna é velado no Palácio do Campo das Princesas

Enterro acontecerá no Cemitério Morada da Paz, em Paulista, às 16h desta quinta.

Corpo de Ariano começou a ser velado velado por volta das 23h, no Palácio do Campo das Princesas. (Foto: Expedito Lima/Folha de Pernambuco)
O corpo do escritor, poeta e dramaturgo Ariano Suassuna começou a ser velado por volta das 23h, no Palácio do Campo das Princesas – sede do governo estadual. Uma missa de corpo presente foi iniciada após a chegada do caixão, que foi conduzido por policiais militares e recebido pelo governador João Lyra Neto, e pelo ex-governador Eduardo Campos. A cerimônia, que foi ministrada pelo Frei Aluísio Fragoso, a princípio, contou apenas com a participação de familiares.

Por volta das 23h30, o público foi liberado para entrar. O corpo fica no local até as 15h desta quinta-feira (24), quando seguirá em cortejo até o Cemitério Morada da Paz, em Paulista, na Região Metropolitana do Recife, local onde ocorrerá o enterro. O sepultamento está programado para acontecer às 16h. As informações foram divulgadas pela assessoria do dramaturgo paraibano.

Com as bandeiras da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), do Brasil e de Pernambuco estampadas sob o caixão, o corpo de Ariano foi encaminhado para o início do velório. O governador de Pernambuco, João Lyra, e o ex-governador, Eduardo Campos, ajudaram a carregar o caixão para o espaço interno do palácio. Por volta das 21h30, alguns familiares e amigos começaram a chegar para a cerimônia. O público em geral só teve acesso ao espaço onde o corpo está sendo velado depois das 23h30, quando foi concluída a missa de corpo presente. O tráfego no entorno da sede do governo estadual foi bloqueado para a passagem de veículos. Toda a movimentação é acompanhada por policiais militares do batalhão da área e do Batalhão de Trânsito.

Governador João Lyra e o ex-governador Eduardo Campos ajudaram a carregar o caixão para o palácio. (Foto: Expedito Lima/Folha de Pernambuco)
Uma das netas do escritor, a psicóloga Germana Suassuna, de 26 anos, realizou um discurso durante a missa de corpo presente. Durante a fala, a parente de Ariano lembrou de uma das maiores alegrias do avô: o Sport Club do Recife. “Estamos aqui, todos os netos rubro-negros, com a camisa do Sport, representando uma alegria que ele tinha na vida. E quem não é rubro-negro, sabia da alegria de vovô em ser rubro-negro. Vovô é mais do que rubro-negro, vovô é além de Sport, além de muitas outras coisas”, declarou a neta, bastante emocionada.

Germana falou também da relação da sua avó Zélia com Ariano Suassuna, e que a morte do parente não deixará de aproximar os familiares. “Nos reunimos em todos os momentos e assim vamos continuar. Minha avó merece. Ela foi para o meu avô a maior alegria, com toda a certeza da vida dela”. No fim do discurso, a neta do escritor mandou um recado para os veículos de comunicação que veicularam erroneamente a morte de Ariano. “Ao ansiosos de ontem, eu aviso que meu avô é simplesmente imortal”.

Após a confirmação da morte de Ariano, dezenas de jornalistas, políticos e amigos do escritor se dirigiram ao Real Hospital Português (RHP), no Recife, onde o escritor estava internado. Entre as presenças, o governador de Pernambuco João Lyra, o ex-governador e candidato à presidência Eduardo Campos, o senador Jarbas Vasconcelos, o prefeito do Recife Geraldo Julio e a secretária de Cultura do Recife, Leda Alves.

O escritor, autor da famosa obra "Auto da Compadecida", morreu no fim da tarde desta quarta-feira, em decorrência de um acidente vascular cerebral (AVC) hemorrágico e uma parada cardíaca provocada por hipertensão intracraniana. Ele estava em coma e respirava com ajuda de aparelhos após ter sido internado no RHP com um sangramento no cérebro, na última segunda-feira (21).

Ariano precisou passar por um procedimento cirúrgico de emergência na noite da última segunda-feira (21). Dois drenos foram colocados para controlar a pressão intracraniana vascular. Durante a tarde da terça-feira (22), surgiram rumores sobre a morte do dramaturgo, os quais foram desmentidos pelo hospital e familiares do paciente. Após a negação da morte, a assessoria da unidade de saúde emitiu um boletim médico, na noite da terça (22), informando que a situação clínica havia passado de estável para instável, sendo registrada queda da pressão arterial e pressão intracraniana muita elevada no paciente.

Informações da Folha de Pernambuco